«

»

Será possível ser feliz todos os dias?

Será possível ser feliz todos os dias? A vida inteira? Ou só em alguns momentos específicos?

Algumas pessoas provavelmente dirão que não é fácil viver e que a felicidade constante é uma utopia. Se compreendermos a felicidade como uma condição natural da vida, como por exemplo, as batidas do coração e não como um estado passageiro, como a tristeza ou alegria, podemos sim afirmar que viver a felicidade significa estar vivo. Confundimos sentimentos e emoções de alegria com felicidade ou de tristeza, com a falta da mesma.

A felicidade é uma condição inerente à experiência de existir. Porém, há diversos fatores que podem bloqueá-la. Pessoas que sentem muita tristeza ou dor profunda existencial dificilmente sentirão a felicidade, muito pelo contrário, viverão a vida com a impressão do sofrimento. É quase como uma cicatriz. Vai marcando o corpo, a alma e a pessoa passa a enxergar o mundo e as relações sobre essa ótica.

happy

Eliminar o sofrimento é um caminho para abrir espaço para a felicidade. Não significa ser alegre o tempo inteiro. Podemos estar tristes e felizes. A felicidade abarca as vivências mais sutis ou mesmo aquelas que já se tornaram mecânicas e que pouco prestamos atenção, exceto quando algo sai do curso como uma doença, perda ou mudança grande na vida. Não lembramos o tempo todo que respiramos que este ato nos possibilita viver.

Simplesmente respiramos. Isso se aplica a diversos outros atos como o funcionamento de nosso corpo e mente. Quando aprendemos que podemos respirar com consciência e que essa respiração pode nos acalmar, desacelerar, nos tirar do estado de ansiedade, além de nos tornarmos mais presentes na experiência de viver o momento, o instante ou aquele dia, abrimos espaço dentro de nós para acessarmos a felicidade.

Ela é plena, não dá para ser mais ou menos feliz. Quando retiramos as camadas de conflitos, sentimentos dolorosos, mágoas, raivas inconscientes, mais sentimos a vida caminhando integrada à nossa experiência de existir. Isso é viver a felicidade. Enquanto as pessoas continuarem a buscar a felicidade nos outros ou no externo, como trabalho, bens materiais, viagens, casamento, não a sentirão de fato. Continuarão a ter a experiência do passageiro, como se felicidade durasse um certo tempo.

Felicidade é interna, só pode ser encontrada dentro da gente e há alguns caminhos que possibilitam essa conquista. Todos referem-se ao autoconhecimento e, consequentemente, desbloqueio de todo o “lixo tóxico” emocional. Viver a felicidade é estar e sentir a vida com todas as possibilidades transformadoras que podem acontecer, desde que nos abrimos a mudar, criar, recriar e também transformar :)

Vanessa

Follow Me:

Facebook  Youtube  Instagram  Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

[+] Zaazu Emoticons Zaazu.com